UFECO

Carregando...
Redes sociais:
RSS
Twitter

Indicar página

Código Florestal: Fórum da Cidade convida para ato público

Povo de luta:

Os participantes da Câmara de Meio Ambiente do Fórum da Cidade convidam a população, entidades comunitárias (Associações de Moradores e Conselhos Comunitários), Organizações Não Governamentais ambientalistas e outras organizações da sociedade civil, para um Ato Público, em manifestação ao projeto de lei em tramitação na Câmara Federal, em Brasília, que trata da alteração do Código Florestal.

A preocupação consiste em que grandes fazendeiros, inclusive com dívidas relacionadas a multa  por desmatamento em  vastas áreas de florestas na Amazônia e também  em outros estados (entre esses, estão muitos políticos, que além de representarem o agronegócio no Senado e Câmara Federal, são também produtores e desmatadores, e têm suas campanhas políticas financiadas por este  setor), querem alterar o código florestal vigente. Este código permite,  por exemplo, alterar a proteção das beiras dos rios, que hoje é de trinta metros, para até seis metros. Isso entre outras barbaridades.

Também por não permitirem estudos técnicos e científicos que demandam tempo para serem executados, querem aprovar o novo projeto de lei no “afogadilho”.

Por isso tudo e muito mais, é obrigação de quem debate Meio Ambiente Equilibrado, saudável e protegido, para esta a para as futuras gerações, fazer os questionamentos necessários e exigir que os estudos técnicos e científicos sejam efetivados antes de qualquer aprovação da nova lei.

A Câmara de Meio Ambiente do Fórum da Cidade, por decisão de seus membros, cumpre com o  objetivo de informar a população e chamar a atenção para este debate num ato público, pacífico e democrático, que acontece na “Esquina Democrática”, na rua Felipe Schmidt, que acontece a partir das 09h00 de quinta-feira, dia 28 de abril.

Participe e dê a sua contribuição ao debate público sobre o Código Florestal, que tem tudo a ver com a qualidade de vida no seu entorno, seu bairro sua cidade, florestas, rios, nascentes de rios e fontes de água potável, morros, mangues e mares. Tem tudo a ver com a qualidade e manutenção da vida.

FONTE: Fórum da Cidade/UFECO